Quando procurar uma clínica de fertilização?

Quando procurar uma clínica de fertilização?

26 fev

A infertilidade é mais comum do que parece. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) mais de 80 milhões de pessoas — homens e mulheres — em todo o mundo é diagnosticado com a condição e isso faz aumentar a procura por uma clínica de fertilização.

Porém, antes de procurar por uma clínica de fertilização é necessário que a tentativa de gestação ocorra de forma natural. Médicos obstetras indicam que mulheres abaixo dos 35 anos devem procurar por métodos de reprodução assistida após 12 meses consecutivos, já casais com idade superior aos 35 anos, esse tempo de tentantes deve ser de seis meses.

Mas afinal, o que causa infertilidade?

Diversos são os fatores que podem levar o homem ou a mulher a desenvolver um quadro de infertilidade. Estudos indicam que a proporção de mulheres com quadro de infertilidade é igual a parcela de homens, ou seja, 30% para cada um. Outros 30% o fator infertilidade é oriundo do casal, ou seja, ambos têm alguma condição que resulta na dificuldade de engravidar.  Os 10% restantes são casos de infertilidade sem causa aparente, em que não há diagnóstico, mesmo após diversos exames laboratoriais.

As causas para infertilidade são variadas: endometriose, azooespermia, problemas hormonais e até anatômicos do útero podem resultar nesse diagnóstico e quando isso é descoberto, a solução para e realização do sonho da maternidade é procurar tratamento em uma clínica de fertilização.

O que faz uma clínica de fertilização?

Muitos pensam que a clínica de fertilização é responsável apenas pelas técnicas de reprodução humana, mas isso é errado. Nesse local é possível fazer uma investigação completa para identificar o que tem causado a infertilidade e tratá-la. Logo, essas clínicas fazem cirurgias no sistema reprodutivo para conseguir, posteriormente, um tratamento de reprodução propriamente dito.

Um exemplo: a endometriose é uma das causas da infertilidade feminina. O médico que atenderá essa mulher na clínica de fertilização vai cuidar/ tratar essa doença antes que essa mulher seja submetida a uma Fertilização in Vitro ou Inseminação artificial. Todo esse cuidado é justamente para aumentar as chances de sucesso durante o tratamento de reprodução humana.

Quais os tratamentos de uma clínica de fertilização?

  • Fertilização in vitro;
  • inseminação artificial;
  • Mini FIV;
  • Coito programado;
  • ICSI;
  • Doação de óvulos;
  • Útero de substituição;
  • Diagnóstico genético;
  • Programa de ovorecepção;
  • Reversão de laqueadura e vasectomia;
  • Preservação da fertilidade;
  • Criopreservação.

Em uma clínica de fertilização todos esses tratamentos são ofertados com um único intuito: o de gerar uma nova vida.

Quem pode fazer tais tratamentos?

Tais tratamentos só podem ser feitos por um ginecologista obstetra especializada em técnicas de reprodução assistida. Na clínica de fertilização, esse casal contará ainda com uma equipe multidisciplinar composta por: enfermeiros, ginecologista, embriologista, psicólogos e demais profissionais habilitados e especializados em fertilização.

Quando procurar por uma clínica de reprodução humana?

Em resumo, o casal que estiver tentando a um ano ou mais engravidar, porém sem sucesso, deve procurar uma clínica de fertilização para tratar as causas da infertilidade e ter acesso a uma das técnicas de reprodução humana existentes e regulamentadas no país.

Compartilhe: