Animais

Peixe Betta – dicas básicas

O peixe betta tem feito muito sucesso principalmente no Brasil, eles são peixes tropicais e de regra geral muito fáceis de tratar. Se busca informações sobre este espécie tão bela este artigo é para você, por isso fique ligado nessa matéria.

Existe muita informação ruim a respeito desta raça, por ser um peixe muito resistente muitos blogs falam que podem ser mantidos em aquários bem pequenos e em água fria, o que não está devidamente correto.

Sim, ele é um peixe bem resistente e na natureza chega a viver em poças de água bem pequenas por semanas na época de seca, mas isso não faz com que ele seja mantido em banheiras minúsculas, até porque na natureza ele vive assim por um curto espaço de tempo.

Como tratar?

Se que que seu peixe viva por muito tempo e bem de saúde ele deve ser mantido em aquários pelo menos de 35 a 30 litros com água filtrada e com termóstato. Esta espécie quando bem tratadas e se alimentadas com ração, chega a viver entre 2 a 3 anos, existem mesmo relatos de algumas sub-espécies que chegaram aos 10 anos de vida. (claro que estes resultados não podem ser em aquários precários de em água de fraca qualidade).

Espécies

O betta tem várias variantes de tipos de cauda, existem tratadores que criam a sua própria linhagem e todos anos aparecem novidades no mundo dos bettas. Por isso não se pode afirmar quantas linhagens existem, mas contabilizadas existem mais de 100.

Como distingui macho da fêmea

Os mais profissionais consegue diferenciar o macho da fêmea só olhando, mas para os mais leigos há uma dica chamada, “truque do espelho”.

Sim, pode parecer estranho mas este peixe é conhecido como o peixe lutador por ser territorial . Os machos são bem agressivos e devem ser mantidos sozinhos após chegar a fase adulta. Então para distinguir o macho da fêmea o que tem a fazer é colocar um espelho na frente do macho.  Se for macho ele irá começar a dança que é a forma de ele avisar que não quer outro peixe no seu território. (Se for fêmea não terá qualquer reação). 

Dicas: Nunca deixe dois peixes bettas machos no mesmo aquário.

Se juntar um peixe betta junto de outras espécies tome cuidado, nas primeira horas ou dias, fique olhado vendo se ele ataca outros peixes, pois alguns são bem violentos e capazes de matar outros peixes ou deixamos em um estado bem ruim.

Tenha atenção a sua alimentação, pois uma alimentação fraca deixa seu peixe doente até mesmo com problema na sua escamação.

Veja outros conteúdo e dicas

Qual a sua reação?

Animado
0
Feliz
0
Apaixonado
0
Mais ou menos
0
Empolgado
0

Você pode gostar

Os comentários estão fechados.

Mais em:Animais