Diretório de Artigos » Technology » O que é Fazer o Root no Android?
Technology

O que é Fazer o Root no Android?

Você tem seu smartphone. É novo, brilhante e limpo. Você pode ir online a partir dele enquanto está fora e fazer o download de aplicativos legais para manter sua empresa sempre que estiver entediado. Mas você pode baixar qualquer aplicativo que você quiser? E sobre temas personalizados?

E você já teve vontade de alterar ou substituir aplicativos e configurações do sistema em seu telefone porque eles não são tão amigáveis? Bem, o problema é que você não pode fazer o que quiser com seu smartphone. Por razões de segurança, os fabricantes de telefones e as operadoras de redes móveis impõem limitações de software. No entanto, estas limitações podem ser superadas enraizando seu telefone Android, embora isso não seja aconselhável. Especialmente se você não tiver o antivírus para Android instalado, para protegê-lo contra malware móvel.

Muitas pessoas estão falando sobre a liberdade que o telefone lhe dá, sem necessariamente enfatizar os riscos que você enfrenta ao fazer isso. Aqui está uma breve visão geral das vantagens e desvantagens deste processo. No caso de você decidir optar por ele, é melhor você tomar uma decisão informada para sua própria segurança móvel.

O que é Fazer o Root no Android?

O enraizamento (ou root) é um processo que lhe permite obter acesso root ao código do sistema operacional Android (o termo equivalente para dispositivos Apple id prisão). Ele lhe dá privilégios para modificar o código do software no dispositivo ou instalar outro software que o fabricante normalmente não lhe permitiria.

E por boas razões de segurança móvel: eles não querem que os usuários façam modificações nos telefones que possam resultar em acidentes além do reparo; é mais fácil para eles oferecerem suporte se permitirem que os usuários usem apenas a mesma versão não modificada do software. Mas os usuários experientes em tecnologia já desenvolveram métodos de enraizamento, que variam de acordo com o dispositivo. Eles estão disponíveis na web, e cada vez mais usuários Android estão recorrendo a eles por causa das poderosas vantagens que oferecem, como por exemplo:

  • personalização completa para quase todos os temas/gráficos
  • download de qualquer aplicativo, independentemente da loja de aplicativos em que eles são postados
  • vida útil prolongada da bateria e desempenho adicional
  • atualizações para a última versão do Android se seu dispositivo estiver desatualizado e não for mais atualizado pelo fabricante

Mas se você o fizer de forma imprópria, isso pode criar estragos. E mesmo feito corretamente, se seu telefone não tiver proteção antivírus adequada para o Android, o enraizamento deixa seu dispositivo aberto a todos os tipos de malware.

Cuidados Especiais

Agora, digamos que todas essas vantagens o convenceram a enraizar seu dispositivo Android. Mas você pode fazê-lo às suas próprias custas, arriscando sua própria segurança móvel. Eis o porquê:

1. Caso faça as modificações de código, o software de seu telefone pode ficar tão danificado que seu telefone será basicamente tão inútil quanto um tijolo.

2. A garantia de seu telefone torna-se nula. É legal enraizar seu telefone; no entanto, se você o fizer, seu aparelho sairá diretamente da garantia. Digamos que você faça a raiz de seu telefone e algum tempo depois disso, você sofre um mau funcionamento do telefone – relacionado a hardware ou software. Por causa do enraizamento do Android, a garantia não é mais válida, e o fabricante não cobrirá os danos.

3. O malware pode facilmente violar a segurança de seu celular. Obter acesso root também implica em contornar as restrições de segurança colocadas pelo sistema operacional Android. O que significa que worms, vírus, spyware e Cavalos de Troia podem infectar o software Android enraizado se não for protegido por um antivírus móvel eficaz para Android. Há várias maneiras de se obter estes tipos de malware no seu telefone: drive-by downloads, links maliciosos, aplicativos infectados que você baixa de lojas de aplicativos não tão respeitáveis.

Eles tomam conta de seu telefone e o fazem agir nas suas costas: encaminhar sua lista de contatos para cybercrooks, checar seus e-mails, enviar mensagens de texto para números premium, carregar seu telefone e coletar dados pessoais tais como senhas, nomes de usuário, detalhes de cartão de crédito que você usa enquanto socializa, faz transações bancárias e compras em seu smartphone.

Para mais detalhes, acesse https://tudosobrekingroot.com.br

%d blogueiros gostam disto: